A PETROBRÁS E O ESCORREGÃO DO GABRIELLI

GABRIELLIIndependentemente da celeuma que se criou com a instauração da CPI da Petrobrás, o que me chamou a atenção foi uma fala do Presidente da Petrobrás a respeito da mudança do regime de competência para regime de  caixa como base de cálculo para incidência do fisco na estatal.

O Presidente da estatal afirmou que esta era uma decisão operacional, portanto não era necessário uma consulta ao Conselho de Administração, composto entre outros figurões, pela super-poderosa Ministra Dilma Russef e pelo também super-poderoso Ministro Mantega. 

Acho que o Ministro não foi bem assessorado nesta questão! Se fosse meramente operacional, não estaria dando o bode que está dando! O impacto da mudança está mexendo com um monte de gente! Até o Governador Aécio Neves já ameaçou se juntar aos Governadores do Rio e São Paulo para entrar na Justiça!

Na verdade tudo passa por uma questão de nível de delegação e análise de risco na tomada de decisão. Se o Ministro tivesse feito uma melhor análise, certamente teria consultado as instâncias superiores antes de tomar uma decisão de tamanha importância e não estaria passando o sufoco que está passando agora! 

Daqui para frente haja espaço na mídia para aguentar os carniceiros do Congresso achincalhando a Petrobrás, denegrindo a gestão da empresa e contaminado o mercado de ações!…

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: